Noticiário Cearense

Bolsonaro visita o Nordeste e causa terror na esquerda doentia do país

21 de maio de 2019

Esta será a primeira visita do Presidente Jair Bolsonaro à região após a sua eleição.

undefined

 

O presidente Jair Bolsonaro irá fazer a sua primeira visita ao Nordeste nesta sexta-feira (24/05/2019), este será o seu primeiro contato com o povo da região após a sua eleição. O presidente irá desembarcar no Estado do Pernambuco, ele irá primeiramente entregar um conjunto habitacional na cidade de Petrolina e depois, em Recife, vai anunciar R$ 2,1 BILHÕES de a mais de investimentos em infraestrutura para os nordestinos.

Não é segredo para ninguém que a esquerda brasileira considera o Nordeste como seu território, visto que nas últimas quatro eleições presidenciais eles levaram a melhor em nossa região, porém a turma comunista anda se tremendo de medo com a visita do presidente, pois Jair Bolsonaro tem planos ambiciosos para o desenvolvimento da região, o que poderia acabar levando ao esfacelamento político do último reduto esquerdista do país.

Alguns militantes Lulo-Petistas até chegaram a subir uma hashtag com #nordestecancelabolsonaro e #aquinão, porém a ídeia não conseguiu decolar. É certo que Bolsonaro encontrará aqui alguns grupos organizados tentando fazer balbúrdia durante sua passagem, porém este tipo de gente não representa, nem de longe, o sentimento do verdadeiro povo nordestino.

O povo nordestino quer de verdade é que o Presidente traga boas notícias, recursos e novas idéias para desenvolver a nossa região, somos um povo batalhador e temos muita coragem de ir a labuta diariamente de forma dura, a única coisa que queremos é uma condição de trabalho melhor, melhores incentivos e um olhar solidário voltado para o empreendedorismo, ao invés do assistencialismo barato que vivenciamos durante décadas e que nos levou ao caos que nos encontramos agora.

Presidente Bolsonaro, seja muito bem vindo a nossa região, receba de coração as nossas boas vindas, traga de volta pelo menos a esperança que nós perdemos, por que vontade de fazer o Brasil gigante não nos falta.

 

Kennedy Linhares

21/05/2019